Get Adobe Flash player

Nossas Belezas

In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

A Secretaria de Cultura, Esportes e Turismo realizou neste sábado, dia 26, no auditório da Secretaria de Educação, uma reunião com os membros do Instituto Histórico e Geográfico do Pajeú. O objetivo é levar ao conhecimento das cidades da região, uma idéia inovadora que engloba cultura, história e geografia. Segundo os membros, o instituto nasce com a finalidade de estreitar os laços culturais de todas as cidades, bem como de resgatar sua história e aspectos geográficos, reunindo todos os trabalhos em um mesmo local para facilitar o acesso a estudantes e pesquisadores. A sede física do IHGPajeú ficará no município de Serra Talhada, sendo que todas as cidades integrantes do mesmo poderão ter seus núcleos, todos com acesso direto a sede. Iguaracy foi a última cidade a ser visitada pelo grupo. A maioria das cidades que ficam na bacia hidrográfica do rio já aderiram ao IHGPajeú.
No local, algumas obras de escritores Iguaracienses estiveram à mostra. Os livros: “A poeira e a Estrada”, “Iguaracy Cidade Deus do Sol”, e as obras de Quincas Rafael, “Afogados deu de tudo” e “Jabitacá Segundo Quincas”, foram apresentadas pelo Secretário de Cultura, Esportes e Turismo.
 
Participaram do encontro o Prefeito Francisco Dessoles Monteiro, o Secretário de Cultura, Roberto Murilo, os vereadores Amaury Torres e Manoel Olímpio, representantes de conselhos municipais, professores, músicos e poetas Iguaracienses.
O jovem poeta, Francisco Alves, recitou duas de suas principais produções, todas reverenciam a tradição pajeuzeira e a história de Iguaracy, sua terra.
Durante a reunião, foram abordados assuntos referentes ao projeto e a importância da participação de cada município nessa caminhada em busca da historia e cultura local. Nos próximos dias serão nomeados três delegados para representar o Município na próxima reunião do instituto em Floresta.
O Prefeito Francisco Dessoles falou aos visitantes e manifestou sua satisfação e apoio a esta iniciativa. O prefeito falou da modernização, o novo formato em que a cultura popular é vista, onde as pessoas já não apreciam tanto a leitura, se perde o encanto pelas boas tradições e o valor do que é passado. Ainda durante sua fala, ele parabenizou os poetas presentes na reunião e lembrou os artistas Iguaracienses que fizeram e fazem parte da rica história de nossa cidade. Leitor assíduo, Dessoles também foi presenteado com um exemplar do livro que conta histórias do povoado de Ibitiranga.
Na oportunidade, o Secretário Roberto Murilo, de modo antecipado, convidou os membros do instituto para prestigiar a festa de Nossa Senhora dos Remédios em Jabitacá, inúmeras atrações estão programadas para o evento que acontece em Agosto.
 
 Poeta Francisco Alves, Prefeito Dessoles e o Secretário de Cultura, Roberto Murilo
 
O Governo Muncipal de Iguaracy promoveu na manhã desta quarta-feira (23), no auditório do CEMUPI, uma importante Audiência Pública para tratar sobre a Lei de Diretrizes Orçamentárias – LDO. A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) é o instrumento por meio do qual o governo estabelece as principais diretrizes e metas da Administração Pública para o prazo de um exercício, na ocasião, o exercício 2015.
Ela estabelece um elo entre o Plano Plurianual de Ação Governamental e a Lei Orçamentária Anual, uma vez que reforça quais programas terão prioridade na programação e execução orçamentária.
Conforme disposto na Constituição Federal, compete à LDO traçar diretrizes e assegurar o equilíbrio fiscal das contas públicas, dispor sobre alteração na legislação tributária e estabelecer a política de aplicação das agências financeiras.
A audiência foi aberta com as palavras do Prefeito do Município, Francisco Dessoles Monteiro, fazendo um breve discurso sobre a importância da LDO, no direcionamento das ações do governo, cumprindo dessa forma, o regimento sobre a obrigatoriedade ao executivo municipal quando da elaboração de suas peças orçamentárias, no tocante a realização de audiências públicas para que a sociedade possa opinar a respeito dos rumos a serem tomados pelo ente federado. Na sequencia, o contador Fabrício Martins proferiu palestra sobre o tema.
Estiveram presentes; o prefeito municipal, os vereadores, Manoel Olímpio, “Jorge Soldado”, Amaury Torres, Leonardo Magalhães e Odete Soares, secretários e secretários adjuntos do governo, chefes de departamentos, além de representantes do Conselho Tutelar, conselhos municipais e pessoas da sociedade civil.
Isso tudo é muito importante para a sociedade e para a administração que deixa tudo de forma clara, uma forma transparente de fazer gestão pública. (Bruno Júnior)
Veja mais imagens, CLIQUE EM LEIA MAIS

Leia mais...

 
 Após terraplanagem, rua preparada pra receber o pavimento
O Governo Municipal de Iguaracy, “Cuidando do futuro sem descuidar do povo”, sai na frente e sinaliza mais obras no distrito de Jabitacá e na sede. O Prefeito, Francisco Dessoles, revelou ao vivo na rádio Pajeú.
De acordo com ele, Iguaracy já tem os projetos aprovados e o termo de compromisso devidamente assinado com a Secretaria de Planejamento do Estado. O recurso que será usado para a construção dos novos empreendimentos já está liberado, é uma parte do Fundo estadual de apoio ao desenvolvimento municipal- Fem. O Município deverá iniciar o processo de licitação ainda em julho.
 Extensão da rua João Alves dos Passos
Em Iguaracy, a prefeitura realizará a construção do pavimento em paralelepípedos na rua Vicente Nogueira de Carvalho e na extensão da rua João Alves dos Passos, partindo da Unidade Mista de Saúde até o cemitério municipal.
Em jabitacá, obras de pavimentação nas ruas Projetada e Dionízio Rabelo, atendendo o pedido da comunidade e visando diminuir os problemas de poeira e lama, dando ainda, conforto e segurança aos moradores e passantes daquelas localidades. Segundo Dessoles, no máximo dentro de 40 dias, todas as obras deverão ser iniciadas.
 
O Prefeito de Iguaracy, Francisco Dessoles (PTC), esteve na Rádio Pajeú AM para uma entrevista no programa “Debate das Dez” da última sexta (18). Dessoles falou sobre temas de cunho político, social, as boas notícias e os problemas enfrentados pelo Município nos últimos meses. O ano de 2014, ano eleitoral, é difícil para os gestores municipais. Economia, inflação e redução das atividades econômicas, são alguns fatores recorrentes que refletem na administração pública. “É um ano extremamente difícil. É um ano curto, administrativamente falando. Um ano que para os repasses, está praticamente encerrado”, disse o Prefeito. Durante a entrevista, Dessoles revelou informações importantes para os Iguaracienses. O Município que possui cerca de 600 km de estradas vicinais, já está com toda a malha recuperada, com exceção de alguns trechos que sofreram a ação das últimas chuvas. O Governo Municipal tem realizado um intenso trabalho de recuperação e manutenção dessas estradas. Com o aumento do fluxo de veículos pesados na zona rural, as vias tem um curto período de durabilidade, especialmente no período de chuvas.
 
O Prefeito de Carnaíba, José Mário Cassiano, também participou do debate junto a Dessoles e o comunicador Nil Júnior por telefone, os problemas enfrentados pelos dois municípios, assim como suas dificuldades locais de cada um, foram pauta na programação. As rodovias estaduais que cortam a cidade de Iguaracy, foi outro assunto abordado no debate. O prefeito lembrou a situação de abandono das rodovias e a população ainda continua na promessa de recuperação das antigas e construção de novas estradas.
Além de prejudicar a ligação econômica, o município “se aperta” e faz a recuperação dessas estradas, o que gera sobrecarga e gastos extras com a manutenção que é responsabilidade do estado.
 
As complicações com o tráfego nas cidades pequenas também foram discutidas no programa. No caso de Iguaracy, a mudança da feira-livre para o pátio do mercado público, ocorreu exatamente em virtude do aumento de veículos que circulam pela cidade. Atualmente, o trânsito na zona urbana de nossas cidade já preocupam. 
Na oportunidade, Dessoles anunciou algumas aplicações que serão realizadas no município com os recursos do FEM (Fundo Estadual de Apoio ao Desenvolvimento Municipal). O adiantamento de 50% do décimo terceiro salário, foi citado no debate. “Tivemos uma ajuda do Governo Federal no mês de Abril, o que possibilitou essa antecipação”, relatou o Prefeito.
O décimo terceiro é sempre um alento. Apesar das dificuldades, a gestão se esforça para fazer da melhor forma, o que é importante para o cumprimento desse compromisso e para desafogar os deveres no final do ano. Finalizando a entrevista, Dessoles fez uma avaliação positiva sobre o Programa “Mais Médicos” e os Consórcios na região. Bons resultados e a satisfação da população após a chegada do programa, caracterizam os benefícios levados a Jabitacá.

 

 
Apesar do encontro já ter sido realizado formalmente no gabinete do Prefeito Dessoles onde a Senhora Lucilene apresentou-se ao gestor iguaraciense, este blogueiro aproveitou a oportunidade nesta tarde de terça-feira(15) para fazer o registro fotográfico em tela. 

A nossa nova gerente que é muito simpática e comunicativa, é natural do Paraná e no Pajeú já trabalhou na cidade de Carnaíba onde possui residência própria, após Carnaíba foi para o agreste, mata sul e agora está à frente da gerência do Banco do Brasil em Iguaracy. 

Para quem deseja conhecer a nova gerente pessoalmente, o Banco do Brasil em Iguaracy está sempre aberto ao público de segunda à sexta-feira das 9 às 13 horas.
 

Prefeito Dessoles disse que realiza várias chamadas por dia denunciando a OI na Anatel e que a operadora já deu retorno preocupada em ser multada.

Dessoles disse que está fazendo a sua parte como cidadão e prefeito e que diariamente realiza registros de queixas na Anatel sobre a péssima qualidade do sinal da Oi em Iguaracy. O prefeito disse que a população também tem que fazer a sua parte ligando também para a Anatel e denunciando a OI, dessa forma, a empresa temendo ser multada, irá se apressar em melhorar a qualidade do serviço prestado. 
Disse que está entrando em contato com outras operadoras de telefonia móvel, para ver se sai dessa situação de monopólio, porque, segundo o prefeito, quem vende um produto sem concorrência acaba não se incomodando em melhorar a qualidade dos serviços prestados. Disse que a Oi está abusando da paciência da população e prestando um péssimo serviço em relação à telefonia móvel. 
Disse que funcionários da empresa estiveram trabalhando na torre de transmissão e que já melhorou um pouco o sinal, porém, disse que vai continuar pressionando para que todo o sistema volte ao normal, pois a população precisa de respostas e a OI tem que cumprir o seu papel como fornecedora do serviço.

 

 
A Secretaria municipal de Saúde em Iguaracy, conta agora com um novo veículo. De acordo com o prefeito Dessoles Monteiro, o veículo Amarok  foi doado pelo Governo de Pernambuco, através do Programa Estadual de Enfrentamento às Doenças Negligenciadas (Sanar).
O novo veículo será usado com o objetivo de manter alta a meta do diagnóstico das doenças negligenciadas no município. 
Obs.: As doenças negligenciadas são causadas por agentes infecciosos ou parasitas, e acometem principalmente a população de baixa renda. O Sanar foi lançado no primeiro semestre de 2011 pela Secretaria Estadual de Saúde.
 
 Além de abastecer outros municípios, no rojão que vai e com
o encerramento das chuvas, a previsão não é animadora
para a Barragem do Rosário
 
Nesta última terça-feira(8) quando a equipe de reportagem do Blog Tv Web Sertão passava pela Barragem do Rosário em Iguaracy registrou um fragrante mostrando que a água do Rosário continua sendo retirada a todo vapor por pipas de diversas regiões. 
 Dá a impressão que ainda existe muita água, mas vale lembrar que a
Barragem de Brotas começou assim e do dia para a noite secou
O problema não é que se queira negar água aqueles que tem sede, na realidade, o que queremos é chamar a atenção para a problemática, e que a COMPESA, haja visto que é quem ganha dinheiro com a água da barragem, sendo assim a principal interessada, e se for de sua ossada, tome providências para que haja um controle, uma fiscalização e critérios para que a nossa água não seja desperdiçada. Evitar desperdício talvez seja a primeira solução a ser tomada, já que o período chuvoso já se passou e a barragem não conseguiu tomar água, e nós temos um longo tempo de estiagem pela frente até que voltem as épocas chuvosas novamente. 
Se Deus não resolver presentear com uma boa chuva fora de época, pelo nível de água que se encontra a barragem, certamente Iguaracy pode começar a se preparar para enfrentar uma situação que nunca foi vivida antes desde que a barragem do Rosário foi construída na década de oitenta. 
O Prefeito de Iguaracy esteve na manhã de hoje dando entrevista na Rádio Transertaneja FM, no programa institucional da Prefeitura de Iguaracy que ocorre todas as quinta-feira s a partir das 11:30 e falou sobre o Decreto n° 012/14, onde decretou a existência de situação anormal caracterizada como “Situação de Emergência”, em virtude da estiagem que afetou toda zona rural do município.
De acordo com o Decreto publicado hoje (10) no Diário Oficial dos Municípios, o Governo do município levou em considerações a ausência das precipitações pluviométricas que assolam o Município de Iguaracy para níveis sensivelmente inferiores aos da normal climatológica e a queda intensificada das reservas hídricas de superfície provocada pela má distribuição pluviométrica na região. 
Dessoles disse que apesar da expressão da palavra emergência soar muito forte, a medida é necessária para que o município continue a se candidatar aos eventuais programas de assistência as estiagens como o programa de distribuição de água potável a população. 
“É necessário que o município esteja com este decreto em dia, então nós renovamos este decreto, pois como se sabe, Iguaracy teve um baixo índice pluviométrico, e foi o segundo município no Pajeú que menos choveu, e por isso temos a necessidade de renovar este decreto de emergência para que o governo federal e estadual possa continuar com estes programas de assistência a população em parceria com o nosso município” disse o prefeito.
 
O prefeito de Iguaracy, Francisco Dessoles (PTC), disse que a situação do município é preocupante no tocante a água mesmo após as chuvas que caíram na região do Pajeú. Iguaracy é um dos municípios da região onde menos choveu, perdendo somente para Tuparetama. O prefeito afirmou que a Barragem do Rosário que é responsável pelo abastecimento da cidade, a reposição de água foi muito pouca com as chuvas que caíram no município. Rosário se encontra com apenas 15% de seu volume total e a demanda por água continua grande onde a barragem continua abastecendo as cidades de São José do Egito, Tuparetama, Ingazeira, Iguaracy e Jabitacá, sem contar com a quantidade de pipas que retiram água da barragem.
 
Quanto à queda do FPM, o prefeito disse que a preocupação precisa ser redobrada, já que desde o mês de março teve queda e que isso em anos anteriores somente acontecia a partir dos meses de junho e julho, mas que já alertou todos os secretários para que mantenham os gastos rigorosamente sobre controle para que ao chegar ao fim do ano todos os pagamentos estejam em dia.

 

 
Desde a última terça-feira (01), o Governo Municipal de Iguaracy, está realizando escavações às margens da PE-292. O objetivo da obra é abrir a vala que receberá o duto da Compesa e levará a tão desejada água ao Bairro Otaviano Bezerra, conjunto de casas populares que abrigam mais de 20 famílias da cidade.
Através da Secretaria de Obras, o Governo Municipal faz devidamente o seu trabalho de escavação, para que em seguida a COMPESA realize a instalação e o fornecimento de água. Um Governo que se preocupa, colabora e atua em parceria.
 
A obra é rápida e tem o intuito de ligar o duto do prédio da Compesa até o bairro, que fica ao lado do Estádio Capitão Dionísio, seguindo uma extensa trajetória as margens da rodovia que corta a cidade.
Na ocasião, O Vereador Manoel Olímpio (PSB), relatou sua satisfação com o andamento das escavações e adequações do terreno para receber as instalações hidráulicas, que segundo ele, irão representar um grande avanço e comodidade para as famílias e moradores do Conjunto “tendo em vista que ter água encanada hoje é uma necessidade básica”, acrescentou. Manoel lembrou também dos inúmeros dias de luta e cobrança, junto ao Coord. Regional da Compesa, Sérgio Bruno, assim como o Gestor e outros representantes do povo, lutaram e tiveram sua importante parcela de contribuição no alcance desse direito.
 
Em conversa, o administrador do escritório local, Sr. Ubirani Rodrigues, nos informou que logo após o término das escavações, a COMPESA deverá iniciar a instalação do duto e posteriormente o cadastramento das residências. Segundo ele, não havendo atrasos, é possível que até a próxima quinta, dia 10, toda a rede esteja concluída, restando apenas a colocação dos hidrômetros residenciais.